Coro Gulbenkian inaugurou Festival de Música de Mafra

O Concerto Inaugural do Festival de Música de Mafra – “Filipe de Sousa”, contou com a presença do Coro Gulbenkian, com direção de Michel Corboz, juntando um reputado leque de solistas e o pianista Adriano Jordão, para interpretarem, na Basílica de Mafra, a “Petite Messe Solennelle”, de Gioachino Rossini.

Composta em 1863, é considerada como uma das obras-primas do autor, constituindo-se como um comovente testamento espiritual do compositor. A sua interpretação esteve a cargo de 23 cantores do Coro Gulbenkian, e dos solistas Dora Rodrigues, Carolina Figueiredo, Marco Alves dos Santos, Manuel Rebelo, acompanhados pelo pianista Adriano Jordão, diretor artístico do Festival, e pelo acordeonista João Barradas, com a direção do Maestro Michel Corboz.

 

O Festival é uma iniciativa da Câmara Municipal de Mafra, com o apoio da Fundação Jorge Álvares, e presta homenagem ao pianista, compositor, maestro, investigador e figura de relevo da cultura portuguesa que foi Filipe de Sousa, mafrense de adoção.

 

Além do presente concerto, realizam-se outros quatro espetáculos, consulte a brochura e descubra mais sobre cada um deles.

 

Mais informações pelos telefs.: 261 817 170 (Posto de Turismo de Mafra) ou 261 863 122 (Posto de Turismo da Ericeira).

Coro Gulbenkian inaugurou Festival de Música de Mafra