Turismo em Segurança

A Guarda Nacional Republicana (GNR), através do Comando Territorial de Lisboa, organizou o seminário dedicado ao tema “Turismo em Segurança: uma resposta operacional integrada”. O evento realizou-se na Casa da Música Francisco Alves Gato, em Mafra, em parceria com a Câmara Municipal, pretendendo dar a conhecer este programa inovador de proximidade, desenvolvido na área de responsabilidade deste Comando Territorial, que visa potenciar Portugal como destino turístico competitivo, de qualidade e seguro.

A sessão de abertura foi presidida pela Secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna, Isabel Oneto, que saudou a importância deste programa da GNR, quer pelo empenho no estudo prévio dos fenómenos criminais e das características do contexto geográfico e económico das zonas de ação, desenvolvendo doutrina, quer ainda na implementação de uma visão integrada, articulando as respostas operacionais dos vários parceiros.

O Presidente da Câmara Municipal, Hélder Sousa Silva, sublinhou a relevância da segurança para a atratividade turística de um território que congrega 12 praias, uma Reserva Mundial de Surf e, também, um diversificado conjunto que é Património Mundial da UNESCO – o Real Edifício de Mafra. O edil destacou que, pese embora a segurança seja um dever do Estado, o Município tem vindo a adotar uma postura de cooperação institucional, celebrando protocolos com a administração central, visando a construção dos novos postos territoriais da GNR da Ericeira e, futuramente, do Livramento, colaborando na implementação de programas especiais da GNR, nomeadamente através da cedência de viaturas, dinamizando os Conselhos Municipais de Segurança e de Turismo e desenvolvendo atividades de sensibilização na comunidade.

O Adjunto do Comandante Operacional da GNR, Major-general João Ormonde Mendes, aditou que, em matéria de turismo em segurança, a Guarda tem desenvolvido uma cooperação internacional com congéneres europeias, designadamente de Espanha, França e Itália, com intercâmbio de efetivos, tendo como objetivo difundir informação turística e facilitar contactos com as entidades locais. Face à inscrição do Real Edifício de Mafra na lista do Património Mundial da UNESCO, fez votos de que tal signifique um incremento do turismo, contando com o apoio da Guarda na promoção da salvaguarda e segurança destes visitantes.

O Comandante do Comando Territorial de Lisboa, Coronel Jorge Ribeiro Goulão, deu nota de que o programa “Turismo em Segurança: uma resposta operacional integrada”, implementado pela referida Unidade, se desenvolve em três eixos prioritários (Mafra/ Ericeira, Sintra/ Cascais e Lourinhã/ Santa Cruz), tendo uma dimensão inclusiva e complementar: a nível externo, entre diferentes atores, das autarquias às empresas turísticas; a nível interno, entre diferentes valências policiais.

Depois de uma visita à exposição estática de meios, deu-se início ao primeiro painel, dedicado ao tema “Segurança, turismo e património”, com a participação de Reinaldo Saraiva Hermenegildo (GNR) e da Vereadora da Câmara Municipal de Mafra, Célia Batalha Fernandes. Já o segundo painel, sob o tema “Segurança, turismo e economia”, teve como intervenientes José Luís dos Santos Alves (GNR) e Cláudia Seabra (Universidade de Coimbra).

Seminário "Turismo em Segurança: uma Resposta Operacional Integrada"